19 abril 2008

Magno Lavigne desautoriza Newton

O prefeito de Ilhéus, Newton Lima (PSB), tem criticado o Governo do Estado. Segundo ele, o governador Jaques Wagner não dá a devida atenção ao município.

Na última sexta-feira, durante o programa O Tabuleiro (Rádio Santa Cruz), o apresentador Erivaldo Vila Nova afirmou que a posição do prefeito ilheense parecia sinalizar um viés oposicionista do PSB local, que integra a base política de Wagner.

Logo após o radialista fazer a afirmação, o presidente do PSB de Ilhéus, Magno Lavigne, ligou para o programa e afirmou que ninguém, além dele, tem autorização para falar em nome do partido no município. Lavigne observou ainda que a manifestação de qualquer outro membro deve ser tratada como posição isolada.

Não se sabe como o prefeito recebeu o recado, nem se ele vai entender a "bronca" como represália pelo fato de Magno Lavigne ter sido barrado em suas pretensões de ocupar a Secretaria Municipal de Governo.

11 comentários:

Anônimo disse...

Pimenta:

Muitas vezes, na hora da divisão do bolo, quando os comensais não têem nada a os unirem, a não ser o próprio bolo, eles tendem a desentenderem-se.
Parece-me que é isto que está acontecendo, e Magno está achando que é muito pequena, e diria que até insignificante, a parte que até o momento lhe coube no BOLO MUNICIPAL.
Inclusive ele acha que tem gente que participou da festa anterior, entrou nesta festa pela janela, e teve direito a fatias substanciais do bolo que ele ajudou a preparar.

ATÔNITO,com a briga pelas fatias do bolo

Anônimo disse...

O prefeito Newton Lima está montando sua 'turma', igualzinho a Valderico. Não tá nem aí para Partido Político. Ilhéus ainda não percebeu o perigo.

Anônimo disse...

Tá certo que a administração de Valderico foi caótica, mas a de Newton Lima não tem muitas diferenças. A máquina foi inchada, foram colocadas pessoas em vários cargos, outros criados... na saúde então, nem se fala. (quem quiser saber de algo pergunte ao Secretário de Saúde Dr. Aldemir... ops... Salomão... ops... ahh... sei lá quem...)
Newton apenas conseguiu fazer o pouquíssimo que nem Valderico conseguiu fazer (se superou): tá tapando uns buracos aqui e alí, acelerando instalação de serviços.
Quero ver como essa cena vai ficar depois de passado o período eleitoral.
Politicagem.... é tudo igual sempre!

Gabriel, o pensador disse...

Magno Lavigne é homem de partido. É fiel a Lídice da Mata. O prefeito Newton vai ainda precisar MUITO de Magno.

Anônimo disse...

É uma briga de dois mamíferos ferozes. O que preocupa é se as têtas do governo irão aguentar tamanha fome. De um lado, o homem que se acha o mais honesto e competente do mundo e se esquece que foi aliado, parceiro e defensor de um governo corrupto. Que defendeu Valderico como honesto durante dois anos e meio. Do outro lado, um sindicalista pelego, aproveitador, cuja competência dos seus "aliados" depende diretamente do que é colocado à seu favor.
No caso de Ilhéus, tanto Lima quanto Magno, amargam.

Anônimo disse...

O Sr.Nilton tá se preoculpando com a comunidade carente, aquela sofrida que os políticos só conhece qdo é tempo de eleição.A nossa cidade está melhorando sim, só quem não vê é a oposição.O Sr. Nilton mereçe uma chance sim,a população tá observando tudo isso calada.Tenho certeza que a vitória é certa.

Anônimo disse...

Dizer que política ´´e feita só com boa vontade é bobagem, todos os envolvidos ganham. Mas existem pessoas mais comprometidas que outras.Quantos partidos compõem o governo de Newton? Como o mesmo conseguiu afastar o seu antes amigo agora "inimigo" VALDERICO?Estavam juntos Alisson Mendonça, Carmelita,Jailson,Zerinaldo,Marcus Flávio, Alcides, Aldemir, Magno Caranha,. Seguimentos da sociedade sindicatos, professores, estudantes, etc.
Muitos desses Newton já descartou, outros segura os seus cargos no governo com o intuito de amarrrá-los.Newton não é bobo vai levar todos em banho maria até dar um grande chega pra lá, depois das eleições. Rodeado de amigos bancários e jogadores de futebole e de seu irmão Cafuringa se acha o mais honesto e o melhor das criaturas.

Quando o ser humano se diz tão perfeito , o santo desconfia.

acorda ilhéus.

Anônimo disse...

A política é maior que o prefeito , é maior que Magno, afinal o PSB é um partido e muitas são as pessoas envolvidas no processo, quem viver verá.

Anônimo disse...

pobre cidade.
pobre de recursos, de idéias, de ideais, de sonhos.
ilhéus está tão pobre que tem quem comemore a pintura das pedras da ladeira do hospital são josé.
e quem não cai no conto do feijão com arroz é considerado de "oposição".
pobre ilhéus.
pobre em todos os sentidos.

Anônimo disse...

Ninguém é maior que o processo, Newton é de fato uma grata surpresa na política, isso é verdade.

Mais será que ele é maior que a propria política?

Newton no caso da nomeação de Nazal, que é filiado ao PMN, demontrou um grande desprezo pelo PSB.
Só que tem um pequeno problema, não existe na legislação candidato sem partido e pelo que se sabe o PSB de Ilhéus é controlado pela dupla Alcides e Magno, justamante os que mais forma prejudicados pela manobra ainda não esclarecida do prefeito.
Será que Newton quer desistir e para não passar a imagem de fraco que usar o PSB como desculpa?
Será que o PSB terá a coragem de negar legenda a um prefeito que ainda por cima é lider em todas as pesquisas?
Se Magno for o que dizem em alguns comentários e Newton quiser ser candidato eu aposto minha mão direita que ele terá legenda, pois como diz um amigo em política e melhor lamber do que cuspir e demais a mais existem vários cargos nas mãoes dos socialistas no governo Newton, e a eleição dos vereadores esta extremamente ligada ao poder.
Se por outro lado o PSB tiver a coragem de dar um basta nesta farsa que é Newton e seus Cafuringas, estaremos diante de gente que de fato tem coragem, pois, imaginem o que é abrir mão de uma vitória quase certa por um futuro incerto?
Este talvez seja o dilema dos socialistas, o fato de Newton não ter colocado Magno na secretátia de governo é questão menor, pois, o prefeito sequer conversou com o partido sobre a transição e isto é o que leva a este processo reflexivo.
Ser governo ou manter a coêrencia, esta é a questão a ser decifrada.
João Mangabeira

Manoelito Puenttes disse...

Quanto Wagner mandou para o TURISMO DE ILHÉUS a não sabem? ABSOLUTAMENTE NADA, e como os turistas que teem chegado a Ilhéus dirigiu-se A UM RESORT EM ITACARÉ E LÁ DISCURSOU: MANDANDO VERBAS PARA O TURISMO DE ITACARÉ,MORRO DE SÃO PAULO,CHAPADA DIAMANTINA SALVADOR ETC.NÃO POSSO CONCORDAR COM OUTRAS COISAS DO GOVERNO ATUAL MAS QUANTO A ISSO, QUE EXAMINEM OS SENHORES.